Desenvolvimento da teoria de administração democrática

Autores

  • Dwight Waldo

DOI:

https://doi.org/10.21874/rsp.v63i4.111

Resumo

Dwight Waldo (Tradução de Renata dos Santos Costa;
Revisão técnica de João Alberto Tomacheski)


A RSP Revisitada disponibilizou, em sua edição anterior, a primeira parte do texto de Dwight Waldo (1913-2000), Desenvolvimento da Teoria de Administração Democrática, clássico publicado em março de 1952, na American Political Science Review. Após cerca de 60 anos, esta seção resgata a continuação do ensaio, suprimida quando de sua publicação na edição de 1953 da RSP. O texto apresenta as bases do pensamento e da história administrativa, diante das quais as teorias da administração democrática poderiam ser vistas em relevo. O artigo passa em revista algumas dessas teorias e autores e reflete sobre perspectivas e problemas do desenvolvimento da teoria da administração democrática.

Sendo a administração o centro do governo moderno, os conceitos democráticos do século 20 foram forjados no sentido de compreender a gestão administrativa. Desta feita, as teses sobre administração democrática, elaboradas entre as décadas de 1940 e 1950, representavam significativo progresso no pensamento político e foram construídas com intuito de se buscar novos caminhos na evolução das doutrinas democráticas.

O ensaio destaca as diversas linhas que o pensamento sobre a democracia e a administração vinha seguindo. Existia, sem dúvida, considerável literatura a cruzar para as velhas divisas entre política e administração, e também a procurar uma adaptação entre a administração e as necessidades da democracia em meados do século 20.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-01-29

Como Citar

Waldo, D. (2014). Desenvolvimento da teoria de administração democrática. Revista Do Serviço Público, 63(4), p. 541-548. https://doi.org/10.21874/rsp.v63i4.111

Edição

Seção

RSP Revisitada