Administração pública brasileira no século 21: seis grandes desafios

  • Ricado Luiz Pereira Bueno Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP Escola Paulista de Política, Economia e Negócios - EPPEN
  • Gabriela de Brelàz Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP Escola Paulista de Política, Economia e Negócios - EPPEN
  • Natasha Schmitt Caccia Salinas Universidade Federal de São Paulo - UNIFESP Escola Paulista de Política, Economia e Negócios - EPPEN
Palavras-chave: Gestão Pública, Administração Pública Brasileira, Desafios

Resumo

Elencar os principais desafios enfrentados pela administração pública brasileira no século XXI é por si só uma tarefa complexa. Neste artigo escolhemos seis desafios que julgamos centrais para o Estado Brasileiro, suas limitações e também suas potencialidades. Observam-se diversas iniciativas e redes de pesquisa transnacionais atuando nos temas aqui discutidos. Discutiu-se a importância do governo aberto, do combate à corrupção e da corrupção institucional, do desenho institucional da parceria entre Estado e organizações privadas, do uso da big data como espaço para co-produção de serviços públicos baseados em conhecimento, da proposta de compartilhamento de serviços administrativos e de apoio como meio para redução de custos e do processo decisório no contexto das organizações públicas. A intenção deste artigo é colaborar com essas ideias para fomentar futuras discussões no campo, contribuindo assim para seu aprofundamento e desenvolvimento em várias direções.

Publicado
2016-12-23
Como Citar
Bueno, R. L., Brelàz, G., & Salinas, N. (2016). Administração pública brasileira no século 21: seis grandes desafios. Revista Do Serviço Público, 67, 7 - 28. https://doi.org/10.21874/rsp.v67i0.1152
Seção
Artigos