Auditoria de obras públicas e Lei de Benford

o caso do Expresso DF Sul no Distrito Federal

Autores

  • Renata Motta Café Universidade de Brasília (UnB), Brasília - DF, Brasil
  • Maurício Soares Bugarin Escola Brasileira de Economia e Finanças (PGE/FGV), Rio de Janeiro – RJ, Brasil
  • Adriana Cuoco Portugal Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF), Brasília - DF, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.21874/rsp.v72i2.4570

Palavras-chave:

lei de Benford, auditoria de obras públicas, tecnologias de detecção de fraude, Expresso DF Sul

Resumo

O desenvolvimento de um país requer a execução de grandes obras que são, com frequência, capitaneadas pelo governo. Tribunais de Contas realizam auditorias nessas obras públicas, procurando garantir o uso eficiente de recursos públicos limitados. Este trabalho mostra como a Lei de Benford pode ser aplicada na seleção da amostra para auditoria de uma obra pública, com foco no caso específico de um corredor de transporte no Distrito Federal conhecido como Expresso DF Sul ou VLP. A metodologia utilizada baseia-se em uma versão do algoritmo de Bugarin e Ceccato (2015) para priorização na auditoria das rubricas com maiores evidências estatísticas de sobrepreço na planilha orçamentária. Comparação com a auditoria de fato realizada com base na curva ABC evidencia importante benefício potencial do uso da Lei de Benford. Com efeito, a nova metodologia revelou 73,40% do superfaturamento apontado pelo Tribunal de Contas do Distrito Federal auditando-se apenas 38,17% do valor total da obra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Motta Café, Universidade de Brasília (UnB), Brasília - DF, Brasil

Mestre em Economia pela Escola Brasileira de Economia e Finanças da Fundação Getúlio Vargas (EPGE/FGV). Bacharel em Economia pela Universidade de Brasília (UnB). Atualmente é doutoranda na EPGE/FGV.

Maurício Soares Bugarin, Escola Brasileira de Economia e Finanças (PGE/FGV), Rio de Janeiro – RJ, Brasil

Professor titular do Departamento de Economia da Universidade de Brasília (UnB) e líder do Economics and Politics Research Group (EPRG).

Adriana Cuoco Portugal, Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF), Brasília - DF, Brasil

Doutora em Economia e Engenheira Civil pela Universidade de Brasília (UnB). Auditora de controle externo do Tribunal de Contas do Distrito Federal (TCDF). Diretora Técnica do Instituto Brasileiro de Auditoria de Obras Públicas (IBRAOP).

Referências

ARIS, N. A.; OTHMAN, R.; BUKHORI, M. A. M.; ARIF, S. M. M.; MALEK, M. A. A. Detecting accounting anomalies using Benford’s Law: evidence from the Malaysian public sector. Management and Accounting Review (MAR), v. 16, n. 2, p. 73-100, 2017.

AZEVEDO, C. DA S.; GONÇALVES, R. F.; GAVA, V. L.;DE MESQUITA SPINOLA, M. A Benford’s Law based methodology for fraud detection in social welfare programs: Bolsa Familia analysis. Physica A: Statistical Mechanics and its Applications, v. 567, 125626, 2021.

BENFORD, F. The law of anomalous numbers. Proceedings of the American Philosophical Society, v. 78, p. 551-572, 1938.

BOYLE, J. An application of Fourier series to the most significant digit problem. American Mathematical Monthly, v. 101, p. 879-886, 1994.

BUGARIN, M. COVID-19 e a inevitável Lei dos Números Anômalos: resultados preliminares. Revista Conceito Jurídico, v. 4, n. 46, p. 90-93, 2020.

BUGARIN, M.; CUNHA, F. A didactic note on the use of Benford's Law in public works auditing, with an application to the construction of Brazilian Amazon Arena 2014 World Cup soccer stadium. Economia (Yokohama), v. 66, p. 23-55, 2015.

BUGARIN, M.; CUNHA, F. Lei de Benford aplicada à auditoria da reforma do Aeroporto Internacional de Minas Gerais. Revista do Setor Público, v. 68, n. 4, p. 915-940, 2017.

CARSLAW, C. Anomalies in income numbers: evidence from goal oriented behaviour. The Accounting Review, v. 63, p. 321-327, 1988.

CELLA, R. S.; ZANOLLA, E. A Lei de Benford e a transparência: uma análise das despesas públicas municipais.” Brazilian Business Review, v. 15, n. 4, p. 331-347, 2018.

CORACIONI, A. T. Testing of published information on greenhouse gas emissions. Conformity analysis with the Benford's Law Method. Audit Financiar, v. 18, n. 4, p. 821-830, 2020.

CUNHA, F.; BUGARIN, M. (Benford Law for audit of public works: an analysis of overpricing in Maracanã soccer arena’s renovation. Economics Bulletin, v. 35, p. 120-129, 2015a.

CUNHA, F.; BUGARIN, M. Lei de Benford para a auditoria de obras públicas: análise de sobrepreço na construção da arena da Amazônia. Boletim de Licitações e Contratos (BLC/NDJ), v. 28, n. 8, p. 841-857, 2015b.

CUNHA, F.; BUGARIN, M. Aplicações da Lei Newcomb-Benford às planilhas orçamentárias de obras públicas. In: SECRETARIA DE ORÇAMENTO FEDERAL. (Org.). Orçamento Público: VII Prêmio SOF de Monografias: coletânea. Brasília: Esaf, 2015c. p. 229-318.

CUNHA, F. C. R. Aplicações da Lei Newcomb-Benford à auditoria de obras públicas. Dissertação (Mestrado em Regulação e Gestão de Negócios) – Universidade de Brasília, Brasília, 2013.

COSTA, J. I. DE F.; HENRIQUES, D. B. B.; MELO, S. DE B.; DOS SANTOS, J. Análise de métodos contabilométricos para determinação de conformidade da Lei de Newcomb-Benford aplicados à auditoria contábil. Revista Gestão Pública: Prática e Desafios, v. 3, n. 2, p. 292-314, 2012.

DURTSCHI, C.; HILLISON, W.; PACINI, C. The effective use of Benford’s Law to assist in detecting fraud in accounting data. Journal of Forensic Accounting, v. 5, p. 17-34, 2004.

HILL, T. Base-invariance implies Benford's Law. Proceedings of the American Mathematical Society, v. 123, p. 887-895, 1995.

JAMAIN, A. Benford’s Law. Dissertação – Departamento de Matemática, Imperial College of London, Reino Unido, 2001.

LEEMIS, L.; SCHMEISER B.; EVANS, D. Survival distributions satisfying Benford’s Law. American Statistician, v. 54, p. 236–241, 2000.

MEBANE, W. R. Comment on “Benford's Law and the detection of election fraud”. Political Analysis, v. 19, n. 3, p. 269-272, 2011.

MEBANE JR, W. R.; KALININ, K. Electoral fraud in Russia: vote counts analysis using second-digit mean tests. In: Annual Meeting of the Midwest Political Science Association, Chicago, IL, April (Vol. 20), 2010.

MENEZES, R. O. Aplicação da Lei de Benford nos números de casos confirmados de COVID-19 em diferentes países. REMAT: Revista Eletrônica da Matemática, v. 7, n. 1, p. e3005, 2021.

MILANI FILHO, M. A. F. A confiabilidade dos dados financeiros de hospitais filantrópicos canadenses: um estudo empírico baseado na Lei de Benford. Sociedade, Contabilidade e Gestão, v. 8, n. 2, p. 47-63, 2013.

MUELLER, D. Public choice III. 3. ed. Cambridge University Press, 2003.

NEWCOMB, S. (Note on the frequency of the different digits in natural numbers. The American Journal of Mathematics, v. 4, p. 39-40, 1881.

NIGRINI, M. Benford’s Law. Applications for forensic accounting auditing, and fraud detection. New Jersey: John Wiley & Sons, 2012.

NIGRINI, M. J.; MILLER, S. J. Data diagnostics using second‐order tests of Benford's Law. Auditing: A Journal of Practice & Theory, v. 28, n. 2, p. 305-324, 2009.

NIGRINI, M. J.; MITTERMAIER, L. J. The use of Benford's law as an aid in analytical procedures. Auditing, v. 16, n. 2, p. 52-67, 1997.

PINKHAM, R. (On the distribution of first significant digits. The Annals of Mathematical Statistics, v. 32, p. 1223-1230, 1961.

RAIMI, R. The first digit problem. American Mathematical Monthly, v. 83, p. 521-538, 1976.

SAHU, S. K.; JAVA, A.; SHAIKH, A. On the connection of Benford's Law and neural networks. arXiv e-prints, arXiv-2102, 2021.

SALLABERRY, D. J.; FLACH, J.; CODESSO, M. M.; RODRIGUES, F. L. Sinalização de inconsistências a partir do patrimônio declarado de políticos no Brasil: aplicação da Lei de Newcomb-Benford. Revista Evidenciação Contábil & Finanças, v. 7, n. 3, p. 39-59, 2019.

SPIER, L. Uso da Lei de Benford para identificar inserção de dados fictícios em requerimentos de seguro-desemprego. Revista da Escola Nacional da Inspeção do Trabalho, v. 3, p. 273-292, 2019.

THOMAS, J. Unusual patterns in reported earnings. The Accounting Review, v. 64, p. 773-787, 1989.

VAN CANEGHEM, T. NPO financial statement quality: an empirical analysis based on Benford’s Law. Voluntas, v. 27, p. 2685-2708, 2016.

Downloads

Publicado

2021-06-30

Como Citar

Motta Café, R. ., Soares Bugarin, M. ., & Cuoco Portugal, A. . (2021). Auditoria de obras públicas e Lei de Benford: o caso do Expresso DF Sul no Distrito Federal. Revista Do Serviço Público, 72(2), 360 - 399. https://doi.org/10.21874/rsp.v72i2.4570

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.