Metodologias ágeis no contexto da administração pública

análise de estudos de caso de implementação ágil

Autores

  • Marcos Roque da Rosa Universidade Estadual da Integração Latino-americana (UNILA),Foz do Iguaçu – PR, Brasil https://orcid.org/0000-0001-7145-1069
  • Eliane Nascimento Pereira Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), Foz do Iguaçu – PR, Brasil

Palavras-chave:

metodologias ágeis, administração pública, gestão de projeto, estudos de caso

Resumo

A adoção de metodologias ágeis requer uma mudança de mentalidade, entregas rápidas e eficientes. A utilização de práticas ágeis no setor público é um grande desafio, pois é necessário trabalhar as particularidades, a burocracia e a cultura organizacional. A aplicação do ágil pode auxiliar na forma como a administração pública entrega serviços públicos e na satisfação dos cidadãos. Nesse contexto, este artigo tem o objetivo de analisar o uso de metodologias ágeis na administração pública, a partir dos resultados das práticas identificadas em estudos de caso, com a finalidade de obter um melhor entendimento das implementações ágeis no serviço público. Para a execução das atividades de pesquisa, foi realizada uma busca avançada de artigos científicos, utilizando as bases de dados de periódicos Science Direct, Scopus e Web of Science, compreendendo os últimos sete anos de publicações. Como resultados foram identificados estudos que apresentam um panorama internacional e estudos que abordam a metodologia ágil no cenário da administração pública brasileira. Por meio dos casos analisados, discute-se como iniciar um projeto ágil, quais as dificuldades e os benefícios dessas metodologias. A pesquisa aponta que o maior impacto da utilização das metodologias ágeis na administração pública está na mudança da cultura organizacional e conclui que a adoção do ágil no setor público requer planejamento, colaboração, documentação e adaptação de todos os envolvidos no processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Roque da Rosa, Universidade Estadual da Integração Latino-americana (UNILA),Foz do Iguaçu – PR, Brasil

Mestre em Tecnologias, Gestão e Sustentabilidade, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE). Pesquisador e doutorando no programa de pós-graduação em Energia e Sustentabilidade pela Universidade Federal de Integração Latino-Americana (UNILA).

Eliane Nascimento Pereira, Universidade Estadual do Oeste do Paraná (UNIOESTE), Foz do Iguaçu – PR, Brasil

Doutora em Políticas Públicas e Formação Humana, Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Mestra em Ciência da Computação, Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Professora titular na Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Campus Foz do Iguaçu/PR (Unioeste).

Referências

AGILEMANIFESTO.ORG. Principles behind the Agile Manifesto. 2001. Disponível em: <http://agilemanifesto.org/principles.html>. Acesso em: 10 dez. 2020.

ALTUKHOVA, N.; VASILEVA, E.; SLAVIN, B. Concept for a new approach to project management in the activities of public servants. Business Informatics, v. 2016, n. 4, p. 60-69, 2016.

BECK, K. et al. Manifesto for Agile Software Development. 2001. Disponível em: <http://agilemanifesto.org/>. Acesso em: 10 dez. 2020.

BERKANI, A.; CAUSSE, D.; THOMAS, L. Triggers analysis of an agile transformation: the case of a central bank. Procedia Computer Science, v. 164, p. 449-456, 2019.

BOGDANOVA, M. et al. Agile project management in governmental organizations – methodological issues. IJASOS- International E-journal of Advances in Social Sciences, v. 6, n. 16, p. 262-275, 2020.

BRASIL. Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Secretaria de Logística e Tecnologia da Informação. Guia de Projetos de Software com Práticas de Métodos Ágeis para o Sisp.Vol. 1. 2015. 90 p.

DA SILVA, D. A. et al. Health care transformation: an academic application system case study. IFAC-PapersOnLine, v. 51, n. 27, p. 413-418, 2018.

DIGITAL.AI. 14th annual State of Agile Report. Annual Report for the State of Agile, v. 14, n. 14, p. 2-19, 2020.

HIGHSMITH, J. The Agile Manifesto History. 2001. Disponível em: <https://agilemanifesto.org/history.html>. Acesso em: 10 dez. 2020.

IMPROTA, G. et al. Agile six sigma in healthcare: case study at santobono pediatric hospital. International Journal of Environmental Research and Public Health, v. 17, n. 3, p. 1-17, 2020.

MEDEIROS, J. et al. Quality of software requirements specification in agile projects: a cross-case analysis of six companies. Journal of Systems and Software, v. 142, n. November 2017, p. 171-194, 2018.

MEIRELLES, P. et al. Brazilian Public Software Portal: an integrated platform for collaborative development. In: INTERNATIONAL SYMPOSIUM ON OPEN COLLABORATION (OPENSYM), 13., 2017, Galway, Ireland. Anais […]. OpenSym '17: Proceedings of the 13th International Symposium on Open Collaboration,2017. p. 1–10.

MERGEL, I. Agile innovation management in government: a research agenda. Government Information Quarterly, v. 33, n. 3, p. 516–523, 2016.

OLIVEIRA, R. A. de et al. Desafios no uso de metodologias ágeis de gestão de projetos em órgãos públicos: um estudo de caso da Receita Estadual do Paraná. Revista de Gestão e Projetos, v. 11, n. 2, p. 12-36, 2020.

PONTES, R. E. DA S.; NETO, J. S. Contratação do desenvolvimento ágil de software na administração pública federal: riscos e ações mitigadoras. Revista do Serviço Público, v. 66, n. 1, p. 97-120, 31 mar. 2015.

RIBEIRO, A.; DOMINGUES, L. Acceptance of an agile methodology in the public sector. Procedia Computer Science, v. 138, p. 621-629, 2018.

SCHWABER, K.; SUTHERLAND, J. The 2020 Scrum Guide. Disponível em: <https://www.scrumguides.org/scrum-guide.html>. Acesso em: 11 dez. 2020.

SCRUM.ORG. What is Scrum ? Disponível em: <https://www.scrum.org/resources/what-is-scrum>. Acesso em: 10 dez. 2020.

SOE, R. M.; DRECHSLER, W. Agile local governments: experimentation before implementation. Government Information Quarterly, v. 35, n. 2, p. 323-335, 2018.

TRIBUNAL DE CONTAS DA UNIÃO (TCU). Acórdão no 2314/2013 TCU/Plenário. 2013. Disponível em: <https://contas.tcu.gov.br/sagas/SvlVisualizarRelVotoAcRtf?codFiltro=SAGAS-SESSAO-ENCERRADA&seOcultaPagina=S&item0=483300>.

TORRECILLA-SALINAS, C. J. et al. Agile in public administration: oxymoron or reality? An experience report. CEUR Workshop Proceedings, v. 1017, p. 1-8, 2013.

TRANFIELD, D.; DENYER, D.; SMART, P. Towards a methodology for developing evidence-informed management knowledge by means of systematic review. British Journal of Management, v. 14, n. 3, p. 207-222, set. 2003.

Downloads

Publicado

2021-06-30

Como Citar

Rosa, M. R. da, & Pereira, E. N. (2021). Metodologias ágeis no contexto da administração pública: análise de estudos de caso de implementação ágil. Revista Do Serviço Público, 72(2), 479 - 497. Recuperado de https://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/4310

Edição

Seção

Artigos